CORINGA DÁ O GLOBO DE OURO PARA HILDUR

Publicado por admin em seg, 01/06/2020 - 09:32
Hildur Guðnadóttir foi a segunda mulher a levar um Globo de Ouro para casa, pois a primeira foi Lisa Gerrad em 2000 com a trilha sonora de GLADIADOR. No entanto, como Lisa ganhou em parceria com Hans Zimmer, então Hildur Guðnadóttir é a primeira a arrebatar de forma exclusiva esse importante prêmio. 

A compositora islandesa Hildur Guðnadóttir conquista pela primeira vez o Globo de Ouro de melhor trilha sonora pela música do filme CORINGA. Uma conquista expressiva para uma compositora que iniciou sua trajetória no  cinema em 2011 e com o seu décimo longa metragem, consegue arrebatar este importante prêmio, que de certa maneira pavimenta o caminho rumo ao Oscar. Hildur concorreu com gente de peso como Alexandre Desplat ( ADORÁVEIS MULHERES) Thomas Newman (1917) e ainda Daniel Pemberton ( BROOKLIN:SEM PAI NEM MÃE). No jogo de baralho o coringa é uma carta que pode ser utilizada em várias situações. Mas na trilha sonora do filme CORINGA, sua trilha sonora assume um papel de funcionalidade capaz de se moldar perfeitamente na história contada, reforçando as cenas e penetrando nos porões da mente do personagem central interpretado por Joaquin Phoenix. A trilha funcional não se desprende das cenas. Ela não pretende ser ouvida, já que está a serviço do filme. Mas quando é invocada ela responde prontamente e tem a capacidade extraordinária de expressar aquilo que o personagem não diz e a cena não mostra. Um compositor que ao longo da sua trajetória demonstrou enorme capacidade em desenvolver a trilha funcional, sem dúvida foi Ennio Morricone que nos ofereceu dois belíssimos exemplos através das trilhas sonoras de INVESTIGAÇÃO SOBRE UM CIDADÃO ACIMA DE QUALQUER SUSPEITA e ainda A CLASSE OPERÁRIA VAI AO PARAISO. Também Hildur Guðnadóttir no ano de 2019 acabou oferecendo dois exemplos soberbos de uma trilha funcional, primeiramente com a música para a serie televisiva CHERNOBYL e na sequência através de CORINGA. Hildur Guðnadóttir foi a segunda mulher a levar um Globo de Ouro de melhor trilha sonora para casa, pois a primeira foi Lisa Gerrad em 2000 com a trilha sonora de GLADIADOR. No entanto, como Lisa ganhou em parceria com Hans Zimmer, então Hildur Guðnadóttir é a primeira a arrebatar de forma exclusiva esse importante prêmio.