ANIVERSÁRIO DE KRZYSZTOF PENDERECKI

Publicado por admin em sex, 11/23/2018 - 17:21
A carreira de compositor de trilhas de Krzysztof Penderecki já rendeu 33 trilhas sonoras, além da sua música estar presente nas trilhas de outros 31 filmes.

Krzysztof Penderecki nasceu na cidade polonesa de Debica no dia 23 de novembro de 1933. Formado pela Conservatório de Música de Cracóvia, tão logo concluiu o curso em 1959, foi convidado para lecionar na instituição na qual seria reitor em 1972. Em1959, que ao participar do Festival de Música Contemporânea de Cracóvia, que ele passou a despertar a atenção pela forma ousada em que mostrou pela primeira vez as estrofes que tinha composto para a voz humana, nesse evento ele faturou os principais prêmios. Mas em 1957 ele já havia escrito pela primeira vez para a voz humana em “Salmos para Davi”. Penderecki sempre admirou as obras de Stravinsky e Bach, mas depois d ouvir peças de Stockhausen e Pierre Schaeffer, isso contribuiu para que ele mudasse toda sua proposta estética. O seu envolvimento com a música eletrônica estimulou seu processo criativo.Em 1988 ganhou um Grammy pelo seu Concerto Para Violoncelo Nº2 que teve como solista Mstislav Rostropovich.Em 1980 por ocasião do filme O ILUMINADO, Penderecki recebeu um telefone do cineasta Stanley Kubrick que o convidou para compor a trilha sonora do seu filme. Como Penderecki estava envolvido com outros compromissos não pode aceitar, mas acabou sugerindo para que Kubrick utilizasse algumas de suas músicas que acabaram se moldando de forma precisa no filme. A carreira de compositor de trilhas de Krzysztof Penderecki já rendeu 33 trilhas sonoras, além da sua música estar presente nas trilhas de outros 31 filmes. No mês de outubro, Penderecki empreendeu uma excursão por varias cidades da China, mostrando suas obras mais ilustres. Um robusto acervo de composições passando por operas, peças para violoncelo, violino, piano, flauta, sinfonias e até uma peça de jazz.

Mas em termos de trilha sonora, mesmo não tendo sido uma trilha originalmente composta, a música Polymorphia é absolutamente icônica para o filme O ILUMINADO de Stanley Kubrick. Por outro lado, não podemos nos esquecer que o Allegro Moderato da sua Sinfonia Nº3 que foi utilizado por Martin Scorsese em ILHA DO MEDO é rigorosamente de uma funcionalidade absoluta para o filme.