TRIBUTO PARA ALFRED NEWMAN

Publicado por admin em sab, 03/17/2018 - 10:59
Alfred Newman por conta dos maços de cigarro consumidos diariamente acabou sendo acometido de um enfisema pulmonar que o levou a morte aos 68 anos, no dia 17 de fevereiro de 1970.

Alfred Newman nasceu em New Have, Connecticut, no dia 17 de março de 1901. A exemplo do que aconteceu com os grandes gênios da música erudita, também Alfred Newman, o caçulinha de uma família de dez filhos de um humilde vendedor de New Haven, eis que aos oito anos já denotava intimidade com o piano. Aos dez anos já participava do seu primeiro recital de piano em Nova Iorque, onde fincou raízes para trabalhar na Broadway até o final da década de vinte. A sua amizade com Irving Berlin, fez com que este o levasse junto quando foi para Hollywood para produzir as trilhas sonoras dos filmes que ganhavam robustez musical a partir de 1930. Músico, arranjador, compositor e diretor de estúdio, pavimentou uma carreira extremamente gloriosa. Foram 230 trilhas compostas para curtas, longas e documentários, rendendo-lhe 9 Oscars, além 40 indicações. Alfred Newman e Max Steiner formavam a dupla que comandava a música no cinema em sua era de ouro. Newman criou o antológico prefixo da 20th Century Fox onde permaneceu até 1959, quase trinta anos de uma participação gloriosa. Alguns críticos, no entanto, insistem em dizer que ele foi mais importante como arranjador e regente, do que propriamente compositor, mas suas trilhas para filmes como AS VINHAS DA IRA, O MORRO DOS VENTOS UIVANTES, COMO ERA VERDE O MEU VALE, O CISNE NEGRO, AS CHAVES DO REINO, O FIO DA NAVALHA, A MALVADA, O PRISIONEIRO DE ZENDA, SUPLKICIO DE UMA SAUDADE, A CONQUISTA DO OESTE, NEVSADA SMITH e AEROPORTO, desmentem qualquer insinuação que possa comprometer sua imagem de grande compositor. Enfrentou desafios difíceis, quando do desentendimento do produtor Darryl Zanuck com o seu amigo, o compositor Bernard Herrmann que abandonou o projeto musical do filme O EGÍPCIO de 1954 para que Alfred Newman assumisse a trilha.

Alfred Newman por conta dos maços de cigarro consumidos diariamente acabou sendo acometido de um enfisema pulmonar que o levou a morte aos 68 anos, no dia 17 de fevereiro de 1970. Dos cinco filhos, três se dedicaram à música sendo que David e Thomas enveredaram pelo campo das trilhas sonoras, enquanto que Maria é violinista da Filarmônica de Nova Iorque, enquanto que Tim Newman virou diretor de cinema. Dos nove irmãos de Alfred Newman, dois também se transformaram em compositores de trilhas sonoras Emil e Lionel.

Alfred Newman uma legítima legenda de Hollywood.

No vídeo o prefixo da Fox composição de Alfred Newman,  executado pela Orquestra da Rádio de Munique regida por Ulf Schirmer.