ANIVERSÁRIO DE PATRICK WILLIAMS

Publicado por admin em seg, 04/23/2018 - 08:20
Como um exímio arranjador Patrick Williams trabalhou com vários artistas dentre os quais poderíamos destacar a cantora Barbra Streisand. Em 1979 obteve uma indicação ao Oscar pela adaptação musical  da trilha sonora do filme O VENCEDOR.

Em 1968 a televisão lança uma série que conquistou um enorme sucesso, O HOMEM DE VIRGINIA estrelado por James Drury que permaneceu no papel principal durante 249 episódios desde 1962 quando começaram as filmagens até o ano de 1971, quando a serie terminou. A marca inconfundível estava justamente na trilha sonora que foi composta por um compositor que estava começando a sua trajetória, Patrick Williams. Nascido na cidade de Bonne Terre, no Missouri no dia 23 de abril de 1939 elegeu o trompete clássico como o instrumento da sua preferência. Já no tempo de colégio empunhava seu instrumento e liderava a banda de jazz. Por falar em jazz, Patrick realizou um grande sonho na década de setenta quando criou um selo especializado em jazz, Soundwings. Os estudos de música tiveram início na Duke University, mas foi na Universidade de Columbia que complementou a formação em regência e composição musical. A partir de 1968, quando foi morar em Los Angeles, a televisão foi o local onde mostrou todo o seu potencial  de compositor e também arranjador. Quem deu um grande impulso na carreira de Patrick Williams foi Lionel Newman que era diretor musical da Fox. Nessa época as series televisivas estavam em escala ascendente e foi justamente através dela que abriu o caminho para o cinema. Algumas series americanas que fizeram sucesso no Brasil, além de O Homem de Virginia poderíamos destacar Snao Francisco Urgente com Karl Malden e Michael  Douglas, Mary Tiler Moore, Manix e Canon, além de muitas outras. Já no cinema a sua primeira trilha de sucesso foi para o filme de western estrelado por David Jensen MACHO CALLAHAN. Mas indiscutivelmente ele pavimentou toda a sua carreira nas series e filmes produzidos para a televisão. Patrick Williams reconhece que sua produção musical sofreu influencias marcantes de compositores com os quais teve grande identificação como Max Steiner, Victor Yong, John Williams e Jerry Goldsmith.  Patrick Williams sempre gostou de trabalhar sentado ao piano, com um lápis na mão e permitindo que o sangue que fluísse através dos dedos, refletisse na escrita da música. Um dos aspectos que ele sempre obedeceu foi de reunir elementos musicais que tivessem relação entre si, através de uma linha dramática do início ao fim. 

Como um exímio arranjador Patrick Williams trabalhou com vários artistas dentre os quais poderíamos destacar a cantora Barbra Streisand. Em 1979 obteve uma indicação ao Oscar pela adaptação musical  da trilha sonora do filme O VENCEDOR. Já para o Oscar da televisão que é o prêmio EMMY, Patrick Williams foi indicado por 16 vezes, sendo vencedor em quatro oportunidades.

Está afastado do cinema e televisão 2005, mas tem um acervo de mais de duas centenas de trilhas compostas. Atualmente continua exercitando o seu talento de músico com a sua big band de jazz, que aliás em 2011 rendeu duas indicações ao Grammy. Recentemente em 2015 lançou um novo álbum que contou com as participações de Patti Austin, Dave Grusin, Arturo Sandoval e Frank Sinatra Jr.