ANIVERSÁRIO DE WOODY ALLEN.

Publicado por admin em sex, 12/01/2017 - 07:05
Woody Allen já soma no seu currículo 54 filmes como diretor, tendo atuado em 49 oportunidades. Ele recebeu 129 prêmios na carreira, inclusive 4 Oscars.

Neste dia 01 de dezembro  está aniversariando o cineasta Woddy Allen que está comemorando o lançamento do seu novo filme, RODA GIGANTE. É um drama que mostra Ginny (Kate Winslet), casada com Humpty ( Jim Belushi) um operador de uma roda gigantes de um parque de diversões, que resolve se divertir embaixo do nariz do marido, com o seu amante Mickey (Justin Timberlake). O filme está estreando justamente no dia do seu aniversário de Woody Allen completando 82 anos. Ele nasceu no Brooklyn, em Nova Iorque, filho de Martin e Nettie Konigsberg, seu nome verdadeiro é Allan Stewart Konigsberg. Aos 15 anos, já usando o nome Woody Allen, ele começou a escrever para colunas de jornais e em seguida para programas de rádio. Allen frequentou a Universidade de Nova Iorque durante um certo tempo, mas não chegou a se formar. Em 1957, Woody Allen uniu-se à equipe do comediante Sid Caesar, começando a escrever para a televisão. Em 1961, Allen inicia sua carreira de comediante em casas noturnas, transformando sua timidez natural em um dom cômico.

No cinema, seu primeiro grande sucesso de crítica foi o “Noivo neurótico, noiva nervosa” (1977 – Annie Hall), no qual faz o papel de um comediante que se apaixona por uma cantora, interpretada por Diane Keaton.

Woody Allen já soma no seu currículo 54 filmes como diretor, tendo atuado em 49 oportunidades. Ele recebeu 129 prêmios na carreira, inclusive 4 Oscars. A paixão de Woody Allen pelo jazz é antiga, tendo até servido de pretexto para o cineasta ‘fugir’ das cerimónias do  Oscar quando estas se realizavam às segundas-feiras. É que esse era o dia em que Woody Allen tocava clarinete no bar do Hotel Carlyle, Nova Iorque.

Indiscutivelmente a sua grande obra prima foi o filme MANHATTAN de 1979, se constituindo numa autentica declaração de amor à Nova Iorque. A trilha sonora de MANHATTAN constituída com músicas compostas por George Gershwin. Aliás Woody Allen tem uma frase que diz: “Se você tem um bom filme e usa uma boa música, é com tirar uma boa mão no pôquer.”  Realmente foi isso que aconteceu, a música valorizou sobremaneira o próprio filme, pois a música de Gershwin, como reconheceu o próprio Allen com a Orquestra Filarmônica de Nova Iorque regida por Zubin Mehta é o retrato de Manhattan .