VIOLINO VERMELHO (1998)

Publicado por admin em ter, 10/17/2017 - 00:15
Trilha sonora original composta por John Corigliano.

A versatilidade do violino é algo que encanta, tornando-o um dos instrumentos mais duradouros da história universal da música. Dentro da história da música no cinema, vamos encontrar trilhas sonoras belíssimas, em que o solo deste instrumento serviu de ponto alto, como aconteceu por ocasião de filmes como A LISTA DE SCHINDLER, A BANQUEIRA, SOBERBA, SINDROME DE CAIM, CYRANO DE BERGERAC, VERÃO VERMELHO, CARRINGTON e muitos outros. Ao falarmos do violino, impossível não citarmos uma trilha primorosa e que merecidamente ficou com o Óscar de melhor trilha de 1998, além de ter sido indicada para o Grammy, VIOLINO VERMELHO. O filme mostra um violino feito por um artesão no século XVII atravessar ao longo do tempo países como Itália, China, Canadá, Áustria e Inglaterra. Cada país reproduz uma etapa interessante na trajetória desse violino, coincidindo com importantes momentos históricos em cada um dos lugares por onde o instrumento circula.

O ponto alto dessa realização cinematográfica está em sua trilha sonora confiada a John Corigliano, que compôs apenas três trilhas para o cinema, respectivamente VIAGENS ALUCINANTES (1980), REVOLUÇÃO (1985) e VIOLINO VERMELHO (1998). Durante o período de 1987 a 1990, atuou na condição de compositor/residente da conceituada Orquestra Sinfônica de Chicago. Formado pela Universidade de Columbia, antes de chegar ao cinema, Corigliano trabalhou para a rádio e televisão. Com a trilha sonora de VIOLINO VERMELHO, o compositor teve a oportunidade de prestar uma homenagem a seu pai que foi violinista da Orquesra Filarmônica de Nova Iorque.

O trabalho de Corigliano para o filme foi tremendamente valorizado pela participação do virtuoso Joshua Bell, que havia feito sua estreia oficial três anos antes no Carnegie Hall de Nova Iorque.

A trilha sonora é dividida em cinco partes, justamente as localidades por onde circulou o místico violino. Ouvindo atentamente a trilha sonora de VIOLINO VERMELHO, temos a nítida sensação de estarmos diante de uma estupenda sinfonia para violino e orquestra. Não há dúvidas de que dos três trabalhos produzidos para o cinema, a trilha além de tudo que representou para o próprio filme, foi a sua composição mais expressiva para o cinema.

Em 2001, o compositor John Corigliano, reforçando o seu conceito de um grande erudito, conquistou o Prêmio Pulitzer de Música com a sua Sinfonia Nº2 para Cordas e Orquestra.

A trilha sonora do filme VIOLINO VERMELHO foi gravada nos estúdios da Abbey Road entre os dias 27 de dezembro de 1997 e 02 e 04 de janeiro de 1998. A execução da trilha esteve a cargo da renomada Philharmonia Orchestra, sob a regência do maestro finlandês Esa-Pekka Salonen.